quinta-feira, 11 de julho de 2013

Anne Karoliny + divagações + 3ª Pesagem oficial do projeto: Mamãe sarada

Queria agradecer o carinho que obtive, nos coméntários do blog, para a melhora da minha filha. O resfriado já passou e a mamãe aqui já está tranquiila.

Nossa! Como esse leitor é estranho
Para descontrair, rs*
 
Tenho tantos afazeres no meu dia-a-dia que me perco no meio de tantas obrigações.

 

Divagações

 
Agora com meu anjinho de 11 anos em casa, por causa das férias, fico mais sossegada no quesito lição de casa. Sim, sou uma mãe presente nos assuntos relacionados à escola e o ajudo todos os dias com os deveres, explicando cada matéria novamente e ensinando algo mais sobre o tema para ele realmente aprender.
Não sei o que acontece nos dias de hoje, a escola tem um método totalmente diferente do utilizado anos atrás. A professora não vai direto ao ponto e fica fazendo rodeios. Tipo: tabuada, antigamente uma criança fazia folhas e mais folhas de tabuada e para ver se aprendeu, era feita chamada oral em sala de aula. Hoje não é assim, a criança não pode ser forçada a decorar nada e que cada uma tem o seu tempo para aprender.
Vejo a dificuldade que os amiguinhos do meu filho têm e fico preocupada com essa progressão continuada que tem o objetivo de não desanimar o estudante. Ao meu ver alguns se acomodaram: Professores usam o método a seu favor para não lecionarem de forma exaustiva até o aluno apresentar resultados. Alunos sabem que não repetirão de ano mesmo com notas baixas, somente tendo a obrigação de cumprir a frequência mínima. 
Sempre quando vou a reunião do meu filho tento instigar os seus amiguinhos com perguntas que os fazem pensar adiante: " O que vai fazer quando concluir seus estudos?", " Já tem idéia de que profissão gostaria de ter?" ," Qual matéria você se sobressai?"  As respostas que ouço me faz pensar que a juventude de hoje é muito materialista. Quer o retorno rápido sem investir em nada, nem mesmo em sua formação. Me dói quando alguns dizem que vão escolher a profissão conforme o salário à receber, como se isso trouxesse satisfação profissional e pessoal. Cadê o amor que dedicarão a realizar algo? Só rezo para que eles mudem seus pensamentos ao longo dos anos... o futuro a Deus pertence!
O que somos e seremos depende do caminho escolhido

 

Anne Karoliny

 

 
Agora com a nova rotina da Anne Karoliny tudo fica mais agitado e divertido. Não tenho controle sobre o meu dia-a-dia! Ás vezes ela dorme a noite inteira, em outras acorda igual ao anúncio da "Telesena" (de hora em hora), desperta a cada carro que passa na rua (minutos de sono apenas) e por aí vai. Durante o dia são apenas cochilos e ela quer brincar e conversar o dia todo. Ela é super agitada e não age como uma bebê de 4 meses º.º:  
 
*Quer ficar sentada com as costas eretas e sem muito apoio (apenas segurada pelas mãozinhas);
*Quer participar das refeições da família à mesa e fica conosco no carrinho ou no colo, tendo vontade de comer tudo, mesmo não podendo, rs*; 
* Presta atenção em tudo a sua volta;
* Quando conversamos ela faz muitos sons e se expressa com gestos, feições e entonações mais brandas ou mais bravas;
* Já associa nomes as pessoas de casa: o pai é o "Gum", o irmaõzinho é o "Guim" e eu sou a "me", "mein" ou "memein". Essa última quando está sozinha e está brava me chamando kkk;
*Ela já expressa a palavra nenê ( ela diz: neeenê);
*Quando quer mamar ela diz "ÀÀÀÀ";
 
Só posso afirmar que é exaustivo alguns dias, mas é recompensador a cada sorriso dado por ela e vendo a sua evolução. Ela sorri apenas de me ver ou ouvir a minha voz. Isso não tem preço!
 

Emagrecimento

 
Essa semana foi complicada neste quesito. Infelizmente não tive uma alimentação equilibrada e passei horas sem me alimentar e quando comia, me excedia :-(
Pesagem de quarta-feira: 10/07
 
Eliminar 100 gramas foi uma vitória, já que não fiz nada para o meu emagrecimento efetivo.
 
Estou em débito com a minha meta. Preciso eliminar essas 900 gramas ao longo das semana para conpensar.

Expectativas para a semana

 

Acertar a minha alimentação nos horários devidos e tentar ir à feira domingo. Desde o nascimento da Anne não vou a feira. Compro os meus legumes e afins no mercado, mas acho que não tem o mesmo sabor e qualidade. Qualquer imprevisto o maridão fará esta tarefa, rs*
 
Nós podemos mudar a nossa história. Vamos em frente!

Hoje é dia de ser feliz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nesta caminhada de sucesso o incentivo de vocês é muito bem vindo.

Agradeço cada comentário e desejo que voltem sempre!